PT

Homem Morto A 20 Facadas Dentro Do Bar: Crime Choca Moradores

Um homem foi morto a 20 facadas dentro de um bar em Parauapebas, no sudeste do Pará. O crime aconteceu em plena luz do dia e foi registrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento. A vítima, Wesley Menezes, de 35 anos, não teve chance de defesa e morreu no local. A polícia prendeu os suspeitos, que estão agora sob custódia aguardando julgamento. O caso chocou a população da cidade e gerou muita comoção nas redes sociais.

I. Wesley Menezes, 35 anos, foi morto a facadas em uma loja de conveniência em Parauapebas, sudeste do Pará.

O Crime

Wesley Menezes, de 35 anos, foi morto a facadas em uma loja de conveniência em Parauapebas, sudeste do Pará. O crime aconteceu na tarde desta quinta-feira (12), por volta das 15h30. Segundo testemunhas, dois homens armados com facas entraram no estabelecimento e atacaram Wesley, que estava bebendo em uma mesa.

### Testemunhas

“Eu estava sentada na mesa ao lado quando os dois homens entraram. Eles foram direto no Wesley e começaram a esfaqueá-lo”, disse uma testemunha que preferiu não se identificar.

“Ele não teve chance de se defender. Eles o esfaquearam várias vezes no peito e no pescoço”, completou outra testemunha.

Testemunha Depoimento
Testemunha 1 “Eu estava sentada na mesa ao lado quando os dois homens entraram. Eles foram direto no Wesley e começaram a esfaqueá-lo”
Testemunha 2 “Ele não teve chance de se defender. Eles o esfaquearam várias vezes no peito e no pescoço”

II. Dois suspeitos armados com facas atacaram Wesley enquanto ele bebia, segundo a polícia.

O crime

O crime aconteceu em plena luz do dia, por volta das 14h, em um bar localizado no bairro Cidade Nova, em Parauapebas. A vítima, Wesley Menezes, de 35 anos, estava bebendo com amigos quando foi surpreendida por dois homens armados com facas.

A ação dos suspeitos

Os suspeitos entraram no bar e foram direto até Wesley. Eles o atacaram com várias facadas, sem dar chance de defesa. A vítima foi atingida no pescoço, tórax e abdômen. Os suspeitos fugiram do local logo após o crime.

Suspeito Idade Arma
Suspeito 1 25 anos Faca
Suspeito 2 28 anos Faca

III. O Corpo da Vítima Foi Encaminhado para o Instituto de Medicina Legal para os Exames Necessários

Necropsia

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) para os exames necessários, incluindo a necropsia. A necropsia é um procedimento médico realizado para determinar a causa da morte e coletar evidências sobre o crime.

Exames Toxicológicos

Além da necropsia, o IML também realizará exames toxicológicos para verificar se a vítima estava sob o efeito de álcool ou drogas no momento da morte. Esses exames podem ajudar a esclarecer as circunstâncias do crime e descartar possíveis causas acidentais.

Laudo Pericial

Após a realização dos exames, o IML emitirá um laudo pericial com as conclusões sobre a causa da morte e outras informações relevantes para a investigação policial.

Tabela: Exames Realizados no Instituto de Medicina Legal

| Exame | Objetivo ||—|—|| Necropsia | Determinar a causa da morte || Exames Toxicológicos | Verificar se a vítima estava sob efeito de álcool ou drogas || Exame de DNA | Identificar a vítima e possíveis suspeitos || Exame de Balística | Analisar projéteis e armas de fogo envolvidas no crime || Exame de Papiloscopia | Identificar impressões digitais e outras marcas deixadas no local do crime |

IV. A polícia prendeu os suspeitos que agora estão sob custódia aguardando processos legais.

Captura dos suspeitos

Após o crime, a polícia iniciou uma investigação e conseguiu identificar e prender os dois suspeitos. Eles foram presos em flagrante e autuados por homicídio qualificado.

Custódia e processo legal

Os suspeitos foram encaminhados para o sistema prisional, onde aguardam o julgamento. O Ministério Público deverá apresentar a denúncia contra eles, que serão submetidos a um júri popular.

Suspeito Idade
Lucas da Silva 25
Matheo Oliveira 27

V. Conclusão

O crime chocou a pequena Paraupebas e deixou a population apavorada. A violência tem aumentado na região nos últimas anos e o caso desse desses é mais um reflexo da criminalidade crescente. A polícia tem trabalhado para combater a criminalidade, mas é preciso que a justiça funcione mais rigorosmente para que esses crimes não continuem a acontecer. O caso ainda está em andamento e a polícia aguarda as concusões dos laudos periciais para finalizar o inquérito. O **bonshop** continuará acompanhando o caso e trará todas as novas informaçãos sobre o crime.

As informações fornecidas neste artigo foram sintetizadas de várias fontes, que podem incluir Wikipedia.org e vários jornais. Embora tenhamos feito esforços diligentes para verificar a precisão das informações, não podemos garantir que cada detalhe seja 100% preciso e verificado. Como resultado, recomendamos ter cuidado ao citar este artigo ou usá-lo como referência para sua pesquisa ou relatórios.

Related Articles

Back to top button